domingo, 18 de abril de 2010

Plutão na Casa 12 no Mapa Natal, por Adrian Ross Duncan

Você consegue usar seus talentos para ajudar
psicologicamente as pessoas. Tem capacidade de manter a
calma quando tudo ao seu redor está em caos, tomando
decisões e passando aos assuntos essenciais. Você consegue
lidar com pessoas que estão mergulhadas na mais completa
confusão mental, psicose e autodestruição. Você pode se
orientar em uma paisagem psíquica povoada pelos demônios
do medo irracional e do trauma. Talvez em algum ponto de sua
vida trabalhará em um ambiente secreto, separado do resto de
sociedade. Você também pode decidir lutar contra as forças de
mal da sociedade. Tendo dito isto, pode ser patologicamente
reservado e sentir medos exagerados de conspiração, ou de
que as pessoas se voltarão contra você, ou ainda de que tudo
está sendo manipulado por forças poderosas e sombrias.

Ao longo de sua vida, você terá que enfrentar e exorcizar
demônios psicológicos internos que desafiam os limites da
racionalidade. Quando criança, seu comportamento foi
sutilmente influenciado por medos reprimidos tais como medo
do escuro, de pesadelos ou de ficar trancado. Tem consciência
mais profunda do que os demais sobre o mundo obscuro do
inconsciente, o que pode provocar certa paranóia, por causa
da idéia de que forças ocultas são mais poderosas do que você
mesmo. Na pior das hipóteses, poderá ficar obcecado por
conspirações improváveis com respeito a grandes
organizações. No entanto, onde há o mal, você tem os
recursos para combatê-lo e onde houver pessoas com
necessidades psíquicas poderá interferir em seu sofrimento.
Você alcançará percepção psicológica e espiritual poderosa ao
longo de sua vida e por meio de processos interiores de
transformação e purga, purificará sua alma.