domingo, 30 de julho de 2017

Os Escravos e Subordinados dos Nativos e as Significações da Sexta Casa, por Abu Ali Al-Khayyat

Para as circunstâncias dos escravos, subordinados, e cativos, olhe para o 6º signo e seu senhor e seu lugar no círculo, e [veja] além disso, se algum dos benéficos ou maléficos estiver na 6ª casa, ou a Parte dos Escravos, e também o lugar de Mercúrio, porque através disso é conhecida a sua significação sobre escravos, subordinados e cativos, e a melhor condição de [Mercúrio] é quando está oriental no ASC ou no MC aplicando-se a Júpiter, em signo comum [mutável] ou móvel [cardinal]. Quando qualquer uma das fortunas está no 6º signo ou 12º, ou o senhor do 6º [signo] é uma fortuna, livre de [qualquer aspecto] dos maléficos [planetas] e unido a Mercúrio, ou se Mercúrio está unido ás fortunas ou aplica-se a elas livre de [qualquer aspecto] dos maléficos [planetas], ou o seu senhor está em uma casa adequada, e aspectada pelas fortunas e as infortunas estão se afastando dele, significa muitos escravos e vantagem e alegria cumulativas [para os nativos].

Mas, verdadeiramente, a pior condição para Mercúrio é quando está retrógrado, ou sob os raios do Sol, ou conjunto aos maléficos [planetas], ou se aplicando a eles em um signo fixo, porque se houver algum dos maléficos [planetas] no 6º signo ou no 12º, ou o senhor do 6º é um planeta maligno ou um planeta impedido pelo Sol em um lugar maligno no círculo, ou se Mercúrio é impedido pelos maléficos [planetas] ou está se afastando das estrelas afortunadas  e elas não estão o aspectando, ou se a Parte dos Escravos está impedida pelos maléficos [planetas] e não tem qualquer aspecto com as fortunas, ou se a Cauda do Dragão da Lua for encontrada na 6ª casa, significa poucos escravos e tristeza que lhes são atribuídas [para os nativos].

Para as circunstâncias dos cativos e dos escravos, olhe também para a estrela mais digna no lugar do senhor da Casa 6, e [no lugar da] Parte dos Escravos, e seu senhor, e [olhar] Mercúrio, e a estrela que está na 6ª casa, se há uma ou mais, e sua relação ou harmonia com o senhor do ASC, e se isso torna o último afortunado ou infeliz. E julgue, assim como você vê, sobre a utilidade ou a inutilidade do [escravo], ou sobre o seu benefício ou perda [para o nativo]. Então, considere os muitos [testemunhos] e pondere diligentemente a utilidade, discórdia, benefício ou impedimento que o nativo obterá de seus escravos.

Veja também o planeta que tem mais pontos de dignidade na 6ª casa, e o senhor da 6ª, e a Parte dos Escravos e seu senhor, e o planeta que está na 6ª, Mercúrio e o Senhor do ASC, pois se um deles ou outro for afortunado, isso significa concordância e sucesso, mas se um impede o outro, sua discórdia e impedimento são significados. E continue observando a quantidade de testemunhos até que o verdadeiro estado do assunto se torne claro para você.



Capítulo 22
Abu Ali Al-Khayyat, in The Judgments of Nativities. Tradução de Claudio Fagundes (sujeita a revisão permanente)

O livro pode ser adquirido aqui:
https://www.amazon.com/gp/product/0866903399/ref=oh_aui_detailpage_o05_s00?ie=UTF8&psc=1