quarta-feira, 15 de junho de 2016

A Lua nas Casas

Lua na Casa 1.

A pessoa tem atmosfera de vencedor. Possibilidade de sucesso em relações públicas e vendas.

É de ter atitudes emocionais.

Tendência a ver tudo segundo o próprio ponto de vista negligenciando o dos outros. Deve tomar muito cuidado no julgamento dos outros.

Pode passar a imagem de ser volúvel e mutável demais.

Resposta rápida e forte às demandas ambientais. Os outros não veem mais como sensibilidade do que como agressividade.

É importante crescer dentro da estrutura social e por esta razão, gosta de conhecer pessoas do topo da situação.


Lua na Casa 2.

Forte necessidade de segurança emocional refletida no desejo e ansiedade depositada sobre suas coisas próprias. Posses dão sentido de segurança, mas um passo a mais chega-se ao egoísmo e à possessividade, especialmente quando a pessoa é insegura e medrosa. Gosto por recordações materializadas em objetos. Os sentimentos afetam as propriedades de várias formas. A segurança e o positivismo trazem a generosidade.

Boa saúde física e financeira é fundamental para a segurança emocional. Um amor com dinheiro é muito diferente de um amor sem dinheiro. Procura de soluções para as dificuldades emocionais através de posses materiais. Exige valiosos presentes. Desejo de honestidade e integridade no relacionamento.


Lua na Casa 3.

Os sentimentos influenciam as decisões. Pode tornar-se impossível ser objetivo. É preciso aprender a diferenciar entre julgar com base nas emoções e julgar através de uma intuição real. Consegue falar com clareza sobre os sentimentos. Os hábitos têm um forte efeito sobre o modo de agir e pensar. Forte ligação emocional com irmãos e irmãs.

Nos relacionamentos afetivos, a facilidade de expressar os sentimentos verbalmente ajuda à outra pessoa a compreender e a entrar em contato direto com suas emoções. As palavras são o método preferido de expressar o amor e o entendimento a todos os níveis. Uso intensivo do telefone e correspondência escrita. As palavras encorajam e enfatizam as experiências sexuais. O melhor relacionamento é aquele que a intimidade lembra a relação entre irmãos.


Lua na Casa 4.

Forte ligação com a casa e a família. Necessidade de paz no ambiente familiar para que haja segurança. Quando existe sensação de força e segurança, a pessoa torna-se muito sensível aos sentimentos dos outros. Mas, se sente insegurança ou depressão retira-se para seu próprio mundo interior e encontra dificuldade para dar-se aos outros, porque tem medo de perder o que tem. A mãe é uma figura especialmente importante, e a pessoa precisa de sua proximidade. Quando isso não acontece, sente-se muita solidão e depressão. Também há necessidade de ter uma família sólida e próxima. Há um grande interesse em cultivar assuntos do passado, poderia dedicar-se ao estudo da história. O interesse no passado é especialmente verdadeiro em assuntos ligados à própria origem. A comunidade em que convive ou conviveu também revela-se especialmente importante e mesmo que se afaste dela sempre haverá um forte sentimento com relação a ela.

Nos relacionamentos de natureza afetiva o ideal é que eles se mostrem como uma muralha para os momentos difíceis. Há necessidade de que a outra pessoa seja absolutamente verdadeira e sempre estar presente nos momentos de necessidade. Não devem haver conflitos de interesses dentro dos relacionamentos afetivos. Há necessidade de uma atenção de 24 horas para que o relacionamento seja satisfatório e o amor só se manifesta através de uma intensa convivência.


Lua na Casa 5.

Expressão pessoal através dos sentimentos  que são fortes e vigorosos. Facilidade para falar sobre coisas íntimas e pensamentos. Gosta dos bons tempos de bonança, onde o divertimento ocupa seus espaços sem acotovelamentos. Alta sensibilidade ao prazer. O importante é ser honesto com as próprias emoções. Gosto por criança. Espírito maternal. Criatividade artística.

Facilidade de envolver-se em relacionamentos de natureza sexual. Quer aproveitar todas as possibilidades do prazer. Complicações no campo afetivo e sexual.


Lua na Casa 6.

Existe uma forte conexão entre o comportamento e a saúde física. Os sentimentos de infelicidade e depressão provavelmente resultam em doença. Isso não quer dizer que as doenças advindas dessa natureza sejam imaginárias, mas a pessoa deve tomar especial cuidado quando estiver deprimida, pois estará mais vulnerável a doenças. Os cuidados alimentares devem ser redobrados pois existe uma tendência natural a problemas de natureza digestiva. Pode ser difícil trabalhar com disciplina e de modo planejado. Se o trabalho apela para a imaginação haverá entusiasmo em realizá-lo mas se não for assim as coisas serão mais difíceis. Para ter segurança é necessário que o mundo pessoal esteja em ordem, a casa arrumada e limpa, e o emocional equilibrado. Há uma tendência natural da pessoa em gostar de ser dirigida no trabalho mas é muito importante tentar ser o mais autossuficiente possível. É possível desenvolver um talento para trabalhar com produtos e serviços domésticos, ou produtos ligados à saúde, serviços de alimentação ou cultivo agrícola.

A pessoa cria muitas fantasias a respeito do amor. Quando o relacionamento vem de acordo com essas fantasias tudo fica muito bem, mas quando isso não acontece surge muita insegurança. Certamente aprender um pouco mais sobre sexo pode ser uma boa forma de evitar alguns problemas.


Lua na Casa 7.


A escolha dos amigos mais íntimos é conduzida pela reação emocional a eles. Há uma busca de suporte e segurança nos outros. As pessoas escolhidas como amigas serão sempre mais do que isso, serão sempre intimamente relacionados com a própria vida da pessoa. Em todos os aspectos e em todos os tipos de envolvimento, quer pessoal, quer afetivo, quer profissional, é fundamental encontrar pessoas que transmitam a segurança emocional que necessita. As pessoas com emoções transparentes ajudam a entender os sentimentos, quando refletidos sobre elas. Há necessidade de ver as próprias emoções através dos outros.

Nos relacionamento afetivos, em especial, é importante encontrar alguém com quem compartilhe tudo. Alguém que seja sensível e com compreensão de seus sentimentos e desejos. O sentido igualitário no relacionamento é muito forte. A lição a ser apreendida é a paciência e a perseverança. Muitos problemas que surgem não devem ser atacados imediata e frontalmente.


Lua na Casa 8.

As emoções são muito poderosas e o comportamento tem ciclos regulares de mudanças, enquanto que a pessoa sempre cresce internamente. O crescimento pode ser um processo difícil, mas emergirá com uma grande compreensão de si e da natureza humana em geral. Cada emoção é sentida intensamente e é difícil compreender como que algumas pessoas podem ser tão mornas em seus sentimentos. Entretanto, este posicionamento faz guardar os sentimentos para si, mesmo quando deve discuti-los com alguém. Pode ser que não seja bom guardar sentimentos de raiva. É necessário aprender a manipular com dinheiro e propriedades cuidadosamente, principalmente se pertencerem a outra pessoa. Na manipulação com dinheiro, o lado emocional deve ser mantido à distância. Devem ser evitadas as compras por impulso. Existe uma certa atração pelo mistério.

Os relacionamentos tem, também, algo de profundo e misterioso, e uma alta intensidade emocional. Eles mexem com sentimentos poderosos e são extremamente excitantes. Mas, entretanto, cabe um esforço extra para manter o controle da situação e não levar adiante as tempestades emocionais por si criadas. Quando um relacionamento foge do controle por alguma razão, a melhor solução é desmistificar simplesmente falando sobre o assunto. A tendência é gostar de uma pessoa mais velha e experimentada, ou então, um pessoa diferente em termos de padrão social, nacionalidade, cultura, etc.


Lua na Casa 9.

Procura constante de novas experiências. A ideia de permanecer a vida toda no mesmo lugar não agrada nem um pouco. A visão do mundo é colorida pelas emoções e o pensamento pode não ser objetivo e claro. As ideias apresentadas logicamente não impressionam a menos que estejam carregadas de emoções. Gosto pelo estudo mas deve filtrar muito bem o que merece ser estudado. Há dificuldade clara para as mudanças de atitude.

As pessoas que têm afinidade intelectual e/ou espiritual costumam gravitar à volta. Num novo relacionamento provavelmente estas serão as áreas onde fluirão os primeiros contatos. Gosto pela exploração, necessidade de abrir horizontes. O amor ajuda a abrir a alma ao mesmo tempo que gratifica o corpo. Os relacionamentos podem mudar o estilo de vida e quanto mais novas experiências houverem, maior satisfação. Deve buscar uma pessoa que goste de aventuras e que esteja sempre pronta para explorar novas áreas.


Lua na Casa 10.

A mãe, ou outra pessoa que assuma este papel, influencia muito a vida da pessoa, consolidando atitudes básicas e erigindo a estrutura de valores pessoais. A mãe tende a influenciar muito a carreira profissional. É também da mãe que vem o aprendizado da sensibilidade ao sentimento dos outros, essa sensibilidade torna-se muito importante ao longo da vida profissional. Facilidade de envolver o público; talento para vendas. Possibilidade de seguir carreira política. Possibilidade em desenvolver trabalho em áreas ligadas à agricultura e à pecuária, serviços de alimentação, serviços e suprimentos para casas e famílias. Há possibilidade de trabalhar muito pouco na sua própria área de formação.

Manter o status e as relações sociais é importante. Do mesmo modo, a reputação relativa aos relacionamentos de natureza afetiva também representam uma preocupação central. Há tendência a temer tudo que interfere no progresso social e profissional. Habilidade em tornar os relacionamentos afetivos muito úteis e lucrativos em outras áreas da vida. Eventos externos podem influenciar os relacionamentos afetivos, trazendo inesperadas separações e surpreendentes novas ligações. Pouco pode ser feito para prevenir isso e convém relaxar. Admira as pessoas dinâmicas e orientadas para o futuro


Lua na Casa 11.

Forte necessidade de ter amigos que dão suporte e fazem sentir-se melhor dentro de si. É preciso ter muita confiança nesses amigos e por essa razão existe uma tendência natural de dedicar a amizade a pessoas que já conheça há um certo tempo. O comportamento pessoal deverá ter um forte efeito sobre as amizades. Em alguns dias pode ser que uma pessoa seja verdadeiramente adorada e em outro ser tratada com frieza. É preciso tomar cuidado com esta inconstância porque os amigos podem ficar inseguros em relação aos sentimentos em relação a eles. Normalmente este posicionamento indica uma preferência em ter mulheres como amigas. As atitudes aprendidas durante a juventude influenciam muito os objetivos de vida. No período de vida mais maduro haverá um esforço para adaptar seus ideais e crenças às novas experiências que ocorrem. Se isso não ocorrer existe muita probabilidade de manter ideais infantis.

Existe uma atração natural por pessoas de boas origens e pode ser dada a essa pessoa uma boa ajuda para conseguir o sucesso. Há uma grande habilidade para criar harmonia social e existe uma tendência de negligenciar os momentos de intimidade, se isso acontecer é muito provável que a pessoa amada sinta-se abandonada ou perdida em meio ao monte de gente que você gosta de ver em volta. Cuidado para as relações sociais não destruírem os seus relacionamentos afetivos. Claro que isso só é importante se houver um real interesse em manter um relacionamento afetivo especial,  pois no fundo da alma existe uma forte vontade de pertencer ao mundo, e assim, chegar muito perto de um amor sem compromisso especial com ninguém, algo muito parecido com o chamado amor universal. É por essa razão e por esse sentimento, que a pessoa continua amando sempre e eternamente as pessoas que um dia amou.


Lua na Casa 12.

Indisposição para falar de assuntos pessoais com outra pessoa. Incerteza sobre se está havendo compreensão e reconhecimento. Insegurança. Não aceitação do que realmente é. Grande necessidade de segurança emocional. Saída do próprio caminho para evitar cenas emocionais desagradáveis. O mundo dentro da cabeça é largo e interessante, é uma tentação passar mais algum tempo ali.

Deve ser tomado cuidado para não se precipitar ao corresponder um amor; é bom pensar duas vezes antes de assumir qualquer compromisso. Perigo de injúrias por causa de mal-entendidos. Amores clandestinos. Desejo de descobrir as emoções secretas dos outros. Ações ocultas. Poder para conseguir alcançar a profundidade plena de amor.