quinta-feira, 16 de junho de 2016

Plutão em Capricórnio, por Lucia de Belo Horizonte

Plutão em Capricórnio é  o Senhor das profundezas agindo na terceira dimensão do elemento terra, no subterrâneo. Ele revela a conexão profunda que existe entre cada coisa no mundo físico e a relação do mundo físico com os mundos sutis.

O signo de Capricórnio alude a mundo físico como um todo, as ordens, estruturas e leis que regem sua existência. Assim Plutão influi na constituição física do planeta, como o clima e as diversas forças da natureza e ainda nos sistemas econômicos vigentes e formas de organização social, como também nas estruturas e fundamentos das tradições e sistemas políticos, ideológicos e religiosos no poder.

Entre 2008 e 2024 Plutão em Capricórnio irá atuar sobre o Sistema Capitalista, desestabilizando e mostrando seus pilares de ilusão. A transformação plutoniana irá exigir mudanças em sua estrutura e constituição e mostrará a necessidade de uma nova ordem mundial e finalmente, a face do Novo Milênio.

O sistema capitalista aos poucos irá revelar seus pontos frágeis e, quer queiramos ou não, abrirá espaço para o nascimento de uma nova ordem mundial à altura da situação atual do planeta. Os resultados dependem do equilíbrio das forças e do grau de compreensão da humanidade.

Em Capricórnio Plutão irá exigir que encaremos a verdade, sem máscaras, e que rompemos com tudo que não seja verdadeiro. Ele abolirá as mentiras, as ilusões ou a falsa imagem, por isso sugere que façamos mudanças e tenhamos novas atitudes em relação aos assuntos do signo pelo qual transita.

No plano pessoal Plutão estará levando cada um ao seu limite. A própria vida nos levará a encarar nossas verdades e atitudes. Plutão irá exigir definição do que queremos e  a qual grupo queremos pertencer.

Nesse  longo período  Plutão só aceitará a verdade, não permitindo mais a indefinição, a falta de compromisso, a omissão, a falsidade e fingimentos. Embora seja o momento ideal para unir forças, será essencial sabermos associar-nos às pessoas certas.

A ordem de Plutão em Capricórnio é deixar morrer o que deve morrer e abandonar o que seja necessário. Por isso nos será exigido que saibamos escolher com rigor os nossos relacionamentos íntimos e romper com o que não funciona. Sendo o planeta da verdade, Plutão sempre nos convida a encarar a verdade do coração.

Plutão também nos lembra de agir com responsabilidade social, preservando os ambientes e a sustentabilidade. Para isso deveremos estar presentes e ter coragem para tomar atitudes a favor do bem comum, liberando o supérfluo e assumindo compromissos.

 Esse será um tempo  para  trabalhar, criar  e realizar junto com outras pessoas, despojando de excessos e cuidando da  natureza e da justiça social. Sistemas capitalistas e sistemas de poder que estiverem vivendo encima de excessos irão perder o que deveriam estar dividindo há muito tempo.

 A situação do clima, da sociedade e do planeta irão revelar as implicações do impacto desmedido e inconsciente das leis da natureza. Acontecimentos estarão mostrando onde faltou e tem faltado  um olhar holístico, uma visão ampla para descobrir  onde se tem cometido erros desde a passagem de Plutão pelo signo de Virgem em 1957/1972.

 As mudanças climáticas estarão mostrando a gravidade da situação e apontando onde se tem que agir. Questões que envolvem o sistema financeiro estarão em foco, mas também tudo que seja relacionado com o clima da Terra,  petróleo, produção de energia, saúde e alimentação.


__________________________________________________