quinta-feira, 11 de maio de 2017

Do planeta Saturno e os seus significados, por William Lilly

Nomes — É geralmente chamado Saturno, mas em alguns autores Chronos, Phaenon, Falcifer.

Cor — É o mais supremo ou mais elevado de todos os planetas; está colocado entre Júpiter e o firmamento, não é muito brilhante ou magnífico, nem bruxuleia, sendo de uma cor pálida, branca ou cinza chumbo, lento de movimento, completando o seu percurso através dos doze signos do zodíaco em 29 anos, 157 dias ou perto disso;

Movimento — o seu movimento médio é de dois minutos e um segundo; o seu movimento diurno é por vezes de três, quatro, cinco ou seis minutos, raramente mais;

Latitude — a sua maior latitude Norte da eclíptica é dois graus e 48 minutos; a sua latitude Sul da eclíptica é de dois graus e 49 minutos; e não os ultrapassa.

Domicílios — No zodíaco, tem dois dos doze signos como seus domicílios, viz. Capricórnio o seu domicílio noturno, e Aquário o seu domicílio diurno; tem exaltação em Libra e sofre a sua queda em Áries; rejubila no signo de Aquário.

Triplicidade — Governa a triplicidade do ar durante o dia, que é composta pelos signos de Gêmeos, Libra e Aquário;

Termos - nos doze signos foram atribuídos por Ptolomeu estes graus aos seus Termos (veja figura).


O seu significado é que, em qualquer pergunta, se Saturno estiver em qualquer destes graus em que tem um termo, não poderá ser considerado peregrino, ou vazio de dignidades essenciais;

Decanato - ou se estiver em qualquer dos graus que são atribuídos à sua face ou decanato, tampouco poderá ser então considerado peregrino; entenda-se isto para todos os outros planetas.


Permanece retrógrado durante 140 dias.

Está cinco dias na sua primeira estação antes da retrogradação, e outros tantos na sua segunda estação antes da direção.

Natureza — É um planeta diurno, frio e seco (visto estar tão longe do calor do Sol) e de vapores úmidos, melancólico, terreno, masculino, a grande infortuna, autor da solidão, malévolo, etc.

Modos e atos, quando bem dignificado - É então profundo na imaginação, severo nos seus atos, reservado nas palavras, muito parco no falar e no dar, paciente no trabalho, grave na argumentação e na disputa, estudioso e solícito na obtenção dos bens desta vida, austero em todo o tipo de atos.

Quando mal dignificado — É então invejoso, ambicioso, ciumento e desconfiado, medroso, sórdido, superficial, dissimulado, preguiçoso, suspeitoso, teimoso, desdenhoso das mulheres, mentiroso, maldoso, maledicente, nunca contente, sempre queixoso.

Corpo físico — Na maioria das vezes o seu corpo é frio e seco, de estatura média; a sua tez é pálida, escura ou lamacenta, os seus olhos pequenos e pretos, olhando para baixo, uma testa ampla, cabelo preto ou escuro, áspero ou grosseiro, grandes orelhas, sobrancelhas baixas e descaídas, lábios e nariz grossos, uma barba esparsa ou rala, um rosto pesado, desagradável, caminhando com a cabeça para a frente ou encurvando-a, os seus ombros são largos e grandes, e muitas vezes curvos, a sua barriga um tanto curta e flácida, as suas coxas secas, magras e curtas; os seus joelhos e pés indecentes, muitas  vezes arrastando-se ou batendo um contra o outro, etc.

Saturno Oriental — Deve-se observar se Saturno está oriental do Sol, a estatura sendo então mais baixa, mas decente e bem composta.

Ocidental — A pessoa é mais escura e magra, e tem menos pelos; e mais uma vez, se lhe falta latitude, o corpo é mais magro, se tem grande latitude, o corpo é mais gordo ou carnudo; se a latitude for meridional ou Sul, mais carnudo, mas rápido de movimentos.

Se a latitude for Norte, cabeludo e muito carnudo.

Saturno na sua primeira estação, um pouco gordo.

Na sua segunda estação, gordo, corpos com mau aspecto e fracos; e isto deve ser observado constantemente com todos os outros planetas.

Qualidade dos homens — Em geral significa lavradores, rústicos, pedintes, jornaleiros, velhos, pais, avôs, monges, jesuítas, fanáticos.

Profissão — Curtidores de couros, coletores noturnos, mineiros subterrâneos, latoeiros, oleiros, varredores, canalizadores, fabricantes de tijolos, fabricantes de malte, limpa-chaminés, acólitos das igrejas, carregadores dos mortos, trabalhadores do lixo, estalajadeiros, carvoeiros, carroceiros, jardineiros, cavadores de trincheiras, merceeiros, tintureiros de panos pretos, guardadores de gado, pastores ou vaqueiros.

Doenças — Todos os impedimentos do ouvido direito, dentes, todas as sezões quartãs resultantes de indisposições frias, secas e melancólicas, lepras, reumas, tísicas pulmonares, icterícias negras, paralisia, tremores, medos vãos, fantasias, hidropisia, gota da mão e do pé, apoplexias, excesso de fluxo das hemorróidas, hérnias se estiver em Escorpião ou Leão, em qualquer mau aspecto com Vênus.

Sabores — Ácidos, amargos, agrestes; no corpo humano, rege principalmente o baço.

Ervas — "Bearsfoot", "starwort", acônito (variedade de arnica), conio, feto, heléboro branco e negro, meimendro, ceterach, bardana, cenoura branca, serpentária, pulsatilla, verbena, mandrágora, papoila, musgo, soloano (erva moira), angélica, salva, buxo, atriplex, espinafres, bolsa de pastor, cuminhos, equisetum, fumaria officinalis.

Plantas e Árvores — Tamargueira, juniperus sabina, cassia, alcaparras, arruda, polipódio, salgueiro, teixo, cipreste, cânhamo, pinheiro.

Animais, etc. — O burro, gato, lebre, rato, toupeira, elefante, urso, cão, lobo, basilisco, crocodilo, escorpião, sapo, serpente, víbora, porco, todo o tipo de criaturas rastejantes que se alimentam da putrefação, seja da terra, da água ou das ruínas das casas.

Peixes — A enguia, tartaruga, crustáceos.

Pássaros — O morcego, corvo, coruja, mosquito, garça, pavão, gafanhoto, tordo, melro, avestruz, cuco.

Lugares — Deleita-se nos desertos, florestas, vales obscuros, cavernas, esconderijos, buracos, montanhas, ou onde os homens foram enterrados, cemitérios, etc. Edifícios em ruínas, minas de carvão, lugares lamacentos ou malcheirosos, poços, etc. Minerais — Rege o chumbo, magnetite, restos de todos os metais, assim como o pó e o desperdício de todas as coisas.

Pedras — Safira, lápis-lazúli, todas as pedras do campo pretas e feias que não se podem polir e que têm uma cor triste, cinzenta ou escura.

Tempo — Produz um ar enevoado, escuro e obscuro, frio e incomodativo, nuvens espessas e escuras; mas direi mais sobre isto em particular num tratado só sobre o assunto.

Ventos — Delicia-se no quadrante Leste do céu e provoca ventos de Leste; à hora de apanhar qualquer planta a ele pertencente, os antigos costumavam virar os seus rostos para Leste na sua hora, estando ele, se possível, num ângulo, no ascendente, ou na dez, ou na onze, a Lua aplicando-se-lhe com um trígono ou sextil.

Orbe — A sua orbe é de nove graus antes e depois; ou seja, a sua influência começa a funcionar quando ele se aplica, ou qualquer planeta se aplica a ele, e está dentro de nove graus do seu aspecto, e continua em força até que se encontre a nove graus de separação desse aspecto. Na gestação, rege o primeiro e o oitavo mês depois da concepção.

Anos — Os anos máximos por ele significados são 465. Os maiores, 57. Os médios, 43 e meio. Os mínimos, 30.

O significado disto é o seguinte: Admitamos que levantamos um novo edifício, erigimos uma vila ou cidade, ou uma família, ou principado tem início quando Saturno está essencialmente ou acidentalmente forte, o astrólogo pode provavelmente conjecturar que a família, principado, etc., poderão gozar de honra durante 465 anos, etc., sem qualquer alteração sensível; assim também, se na natividade de alguém Saturno estiver bem dignificado e for senhor da genitura, então de acordo com a natureza, poderá viver 57 anos; se estiver medianamente dignificado, então o nativo viverá apenas 43; se ele for senhor da natividade, mas fraco, a criança poderá viver 30 anos, não mais; pois a natureza do Saturno é fria e seca, e essas qualidades são destrutivas para o homem, etc. Quanto à idade, diz respeito a velhos decrépitos, pais, avôs, o mesmo no respeitante a plantas, árvores e a todas as criaturas vivas.

Países — Autores falecidos dizem que ele rege a Bavária, Saxônia, Stíria, Romandiola, Ravenna, Constância, Ingolstad.

Anjo — É Cassiel, ou Captiel.

Os seus amigos são Júpiter, Sol e Mercúrio, os seus inimigos Marte e Vênus. Dizemos que Sábado é o seu dia porque é então que ele começa a reger ao nascer do Sol, regendo a primeira e a oitava horas do dia.


William Lilly, in Astrologia Cristã, p.57-61.