segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Aspectos Plutao-Mercurio no Mapa Natal, por Puiggros

Na essência de Plutão, está a ânsia de saber, de desvelar o oculto, e Mercúrio é o instrumento que permite a relação, a conexão do interior com o exterior, favorecendo a comunicação. Quando essas duas forças trabalham em conjunto, uma parte oculta do conhecimento aflora na superfície e pode ser comunicada e compartilhada.

Esse aspecto tende a proporcionar uma mentalidade ágil, lógica, racional e argumentativa, sensível e intensa, embora, ao mesmo tempo, secreta e pouco confidente. Poder de concentração, de observação e de aprofundamento; nada escapa ao olhar plutoniano. Capta com facilidade qualquer situação e é mentalmente muito rápido para modificar seu ponto de vista, caso tal coisa seja exigida pelo aparecimento de um fato novo ou imprevisto. Plutão o torna apto a obter de forma direta - sem precisar percorrer todo o "processo" do pensamento - o resultado final.

Falar é uma atividade que pode agradar-lhe ou não e, embora sempre tenha algo a dizer acerca de qualquer assunto, prefere fazê-lo sobre temas profundos e de interesse universal; pode também optar por permanecer em silêncio.

A habilidade para expor suas idéias e seu poder de sugestão parecem tão lógicos que as outras pessoas aceitam as suas opiniões - que naturalmente têm substância e peso - de forma subconsciente, sem averiguar se correspondem ou não à exposição que delas faz o indivíduo. Na verdade, essa aceitação é causada pelo poder que permanece subjacente às palavras. O indivíduo expressa a idéia com tanta força e convicção que leva os outros a pensar que deve ser necessariamente válida e significativa em si mesma.

Esse indivíduo pode produzir determinada sugestão hipnótica, não obrigatoriamente de forma consciente, por meio dos gestos de suas mãos e de suas expressões faciais. "Mentalmente agressivo, tem capacidade para utilizar essas habilidades para dominar a mente dos outros, através de uma sutil manipulação.

Quando o aspecto é conflituoso, o indivíduo sente uma forte tensão mental. A contínua necessidade de transcender os resultados já obtidos e de atingir graus mais elevados cria nele uma sutil e constante insatisfação. Essa tensão pode chegar a exercer tal dominação que sua mente se dispersa em múltiplas direções, perde o rigor e não aceita nenhum tipo de autocensura. Passando por constantes mudanças de projetos e sofrendo de uma falta de adaptabilidade, o indivíduo se torna impaciente com as pessoas perceptivamente lentas e não considera as idéias dos outros.

Dogmático e obstinado, a obsessão por suas idéias o conduz facilmente ao fanatismo. Pode manifestar espírito de contradição,. curiosidades doentias, críticas e sátira, malícia, insolência, impudicícia, tendência à ofensa e sadismo mental.

Muito aflito, tende a indicar perturbações mentais mais ou menos graves e até mesmo uma inibição da expressão verbal.